segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

DONS E MINISTÉRIOS… QUAL SEU OBJETIVO?

Leitura: EF. 4:8… “deu dons aos homens…”

1 CO. 12:4,5…”Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. E há diversidade de ministérios, mas o SENHOR é o mesmo”.
1 CO. 14:1… “… procurai com zelo os dons espirituais…”
1 CO. 14:12… “Assim, também vós, como desejais dons espirituais, procurai sobejar neles, para a edificação da Igreja”.
1 TM. 4:14… “Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério”.

Apesar da confusão reinante em nossos dias, quando chamam algumas denominações de “ministérios”, a Palavra de DEUS traz muita luz sobre os termos “dons” e “ministérios”.

De acordo com a Palavra de DEUS, ao crermos em JESUS CRISTO e sermos batizados (LC. 16:15,16; AT. 2:38-41) recebemos o Espírito Santo. A partir deste momento, o Espírito Santo nos reveste para sermos testemunhas de JESUS (AT. 1:8)

O propósito do Espírito Santo é glorificar a JESUS – JO. 16:14 – para isto, ELE anuncia o que tem recebido de JESUS aos Seus discípulos. O Espírito Santo, inclusive, só aprova aquilo que é agradável ao SENHOR (EF. 5:9,10).

Para a edificação da “Igreja de CRISTO” – MT. 16:18 – o SENHOR opera “individualmente” e “coletivamente”. Individualmente o Espírito Santo dá aos cristãos “dons espirituais” – 1 CO. 12:4;7-11. E o SENHOR JESUS concede “ministérios” à Sua Igreja – 1 CO. 12:28-30; EF. 4:11-16.

Ao examinarmos a Palavra de DEUS, vemos, entretanto, que tanto os “dons”, quanto os “ministérios” (EF. 4:12) têm um único objetivo: a edificação do Corpo de CRISTO, da Igreja de CRISTO (CL. 1:24). Qualquer outro uso que se faça dos dons do Espírito Santo, voltado para interesses próprios, é “andar no caminho de Balaão” (veja JD. 11; AP. 2:14; 2 PE. 2:12-15).

Muitos, hoje, têm deixado de obedecer ao Evangelho de CRISTO, o Evangelho do Reino de DEUS, e têm empregado a capacidade que o Espírito de DEUS lhes tem dado, os dons, para enriquecer a sí próprios ou às suas denominações religiosas, as facções que o Diabo tem criado entre os filhos de DEUS.
Não é para essa finalidade que os dons são dados! Pelo contrário, em EF. 4:14 nos é dito que os ministérios devem impedir que sejamos levados em roda por todo vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia, enganam fraudulosamente.

Os dons do Espírito Santo conduzem os filhos de DEUS à Uma Só Fé (EF. 4:5,13), pois DEUS não é Deus de confusão (1 CO. 14:33). Se alguém professar ter algum “dom”, ou “ministério” dado pelo Espírito de DEUS, mas estivere contribuindo para a divisão entre os filhos de DEUS, ou estiver construindo algo diferente da Única Igreja, irá ser reprovado pelo SENHOR – MT. 7:21-23.